Saiba o que é o Ransomware e como proteger a sua rede!

A internet se tornou o meio de comunicação mais usado por inúmeros serviços presentes no cotidiano da maioria das pessoas. Seja com transações bancárias, cadastros e documentação, as informações que adicionamos na rede exigem segurança e cuidado extra, por isso é tão importante entender o que é o Ransomware.

De forma bem objetiva, o Ransomware é um software que invade computadores em busca de mensagens e informações que possam forçar o proprietário a pagar para que eles devolvam o sistema à suas funcionalidades normais. O serviço criminoso é muito comum e não é difícil encontrar alguém que já tenha sido vítima de situações semelhantes.

Situações como essa podem ser assustadores, e além dos danos materiais que elas podem causar, o trauma de apostar na praticidade da internet para resolver inúmeras situações pode ser irremediável. Pensando nisso, a ConectWi separou algumas dicas para te ajudar a evitar esse sério problema. Venha conferir!

Mas afinal, o que é o Ransomware?

Conhecido como um malware, ou um código malicioso, o Ransomware funciona como um sequestrador de computadores. Ao invadir o computador das vítimas, o hacker exige um pagamento em dinheiro pelo resgate de informações, mensagens, documentos e tudo que envolve o sistema operacional da máquina. 

O valor exigido pelos grupos que praticam o Ransomware normalmente é identificado na moeda virtual bitcoin, que tem um processo praticamente impossível de rastrear, o que torna a operação ainda mais complicada de ser revertida. 

A partir do momento que os arquivos do seu sistema estejam infectados por códigos sequestradores, o malware codificará os inúmeros dados de usuário em um segundo plano de sistema, que se torna imperceptível. Quando o ataque está pronto, um pop-up surge em seu computador e ele se bloqueia automaticamente.

Essa detecção quase impossível é o que torna o Ransomware uma das armadilhas mais perigosas da internet. O golpe tem disfarces ardilosos que podem infectar seu PC por sites e links suspeitos, e-mail sem identificação e até mesmo aplicativos vulneráveis. As redes sociais também podem ser portadoras desses códigos!

Quando a vítima cede às ameaças do grupo opressor e finalmente realiza um pagamento irrastreável, ele libera a chave que devolve o acesso a seus dados pessoais. A situação toda é traumática só de imaginar, por isso é tão importante entender as melhores formas de se prevenir contra o golpe.

Virtualização de servidores, a melhor opção de segurança para computadores empresariais!

A melhor proteção vem com a prevenção!

Grandes empresas de tecnologia, como a Microsoft, tem em seus sites páginas dedicadas a ajudar seus usuários com dicas sobre a prevenção contra ataques Ransomware. E dentre essas dicas, a primeira, e mais simples, é manter o Firewall sempre ativado, assim como habilitar a função de atualização automática dos programas.

Os usuários de Windows são os mais atingidos por esse golpe, por isso, existem também algumas recomendações específicas para eles. Com o Windows 7 ou Vista, é importante verificar a instalação e a atualização do antivirus Security Essentials, já para o 8 e 10, essa segurança é garantida pelo Windows Defender.  

Também é possível optar por antivírus de outras empresas, mas não se esqueça de pesquisar sobre a qualidade e a reputação daquele serviço. Vai buscar proteção extra? Saiba que existem empresas como a Bitdefender Anti-Ransomware que oferece soluções específicas para monitorar o seus sistema operacional.

Comentamos muito sobre os golpes de Ransomware nos computadores Windows, mas, infelizmente, os usuários do Mac OS X não estão livres desse problema. O primeiro caso que se teve notícia de infeção do sistema de computadores Apple foi transmitido em acessos ao programa Transmission BitTorrent

Para esses casos, que ocorrem de forma similar ao sequestro e bloqueio de informações nos outros sistemas operacionais, recomenda-se que o usuário mantenha-se atento ao arquivo “kernel service. Ele está ativado? Então é importante restaurar uma versão anterior do sistema em um backup para garantir essa proteção.

É possível eliminar um Ransomware?

A resposta mais básica para essa questão é um curto e triste não! Infelizmente, esse é um dos vírus mais complicados de se detectar e eliminar depois que o golpe já foi aplicado ao seu computador. Até mesmo a forma de resgate exigida pelos grupos criminosos que aplicam esse sequestro é pensada para dificultar esse processo. 

A melhor forma de eliminar as possibilidades de sofrer com ataques de Ransomware é aplicar a prevenção no seu sistema operacional. Além de manter os antivírus sempre atualizados e programados para realizar buscas cotidianas, o backup é uma prática que não deve ficar de fora da sua rotina.

Conheça os diferentes tipos de backups aqui no blog da ConectWi!

A atualização e o armazenamentos de arquivos, documentos e informações em uma segunda fonte é fundamental para casos onde a formatação do computador é indispensável. Apesar dessa prática só receber sua devida importância quando tudo já se foi, não abra mão desse processo e torne-o parte dos seus processos diários.

No mais, as dicas para evitar outros tipos de vírus no seu computador são perfeitamente adaptadas para os casos de Ransomware. Evite clicar em links de SPAM no seu e-mail, mantenha-se atento a links e vídeos suspeitos enviados por redes sociais, e não submeta seu sistema operacional a downloads de procedência duvidosa.

Assim como nos mantemos atualizados sobre as novas tecnologias do mercado, é importante se informar também sobre como a questão de golpes via internet está evoluindo. Com a ConectWi, você se mantem sempre informado, por isso, não deixe de visitar os outros textos aqui do nosso blog e as novidade da nossa loja online!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *