Modem para internet: dicas de configuração básica

Ter acesso a uma rede Wi-Fi estável, com força e potência, é uma necessidade em qualquer tipo de empresa ou residência. Saber como configurar o modem para internet não é uma tarefa exclusiva de especialistas do setor, você também pode fazer isso.

Normalmente, ao realizar a solicitação da instalação da banda larga em casa, a empresa responsável pelo serviço envia técnicos para fazer toda a configuração do modem e suas especificações.

Até porque trata-se de um item fundamental caso você deseje ter uma rede wireless em seu ambiente de trabalho ou em casa. Então, se quiser montar seu modem, esse texto te dará algumas noções básicas. Confira!

Começando do início: o que é modem?

Os modems são os aparelhos responsáveis por conectar seu computador à internet fornecida pela empresa provedora da rede. No entanto, há poucos anos, a maioria das conexões do Brasil se dava por meio da rede de telefone fixa e conectava apenas desktops.

Você é da época em que o cabo do modem entrava pelo telefone e conectava o computador à internet por meio de um cabo ethernet? Não faz tanto tempo, mas olhando para nossa tecnologia atual isso parece ser da época das cavernas, não?

A função do modem é, basicamente, modular os dados enviados pelo computador e modular os dados que correm no caminho oposto também, da internet para o computador. Assim, fica fácil entender de onde surge o nome do equipamento, não é mesmo?

O grande problema que se encontrou no uso do modem tem relação com a conectividade. Afinal, não era possível estar sempre com um desktop ou rede fixa. Dessa forma, surgiram os roteadores!

Qual a diferença entre o roteador e o modem?

Enquanto o modem é o equipamento responsável por levar a rede de internet até a sua casa, o roteador é o dispositivo que possui a função de distribuí-la. Ou seja, por meio do sinal Wi-Fi, ou pelo cabo de rede, ele faz a ligação entre o modem e os dispositivos.

Além disso, o roteador também tem a capacidade de atribuir um sinal IP para cada computador ou dispositivo móvel conectado à internet. Através dele você pode acessar qualquer aparelho da rede e ainda trocar arquivos com eles.

Modem e roteador em um único aparelho: é possível?

Talvez você seja alguém que tem um modem em casa e ainda assim possui sinal Wi-Fi. Antes que você fique perdido, vamos explicar: com o crescimento da tecnologia e da demanda por redes de internet Wi-fi, mudanças aconteceram.

Hoje, é muito comum encontrarmos um único aparelho que disponibiliza tanto o modem quanto o roteador. Normalmente, quando optamos por um pacote de dados maior, ou por planos que incluem TV a cabo, esse dispositivo também é adicionado.

No entanto, caso o espaço de cobertura que você precisa seja grande, um modem com roteador não é a melhor ideia. Esses dispositivos costumam ser muito básicos, com alcance pequeno e muitas vezes não atendem as necessidades de lugares amplos.

Em espaço maiores, portanto, a alternativa ideal é investir em roteadores e repetidores de alta qualidade e, posteriormente, em um “modem com roteador” para que ele funcione apenas como modem.

Leia mais e entenda qual é a diferença entre roteador e repetidor.

Mas, afinal, como instalar o modem?

Saber como configurar um modem pode parecer uma tarefa complexa, algo que deve ser feito apenas por profissionais da área. Mas, na verdade, as configurações básicas são simples de serem efetuadas. O processo pode ser realizado por qualquer pessoa.

É importante lembrar que nossas instruções abordam noções simples, porém, existem configurações complexas, que recomendamos não serem alteradas. Essas funções devem ser operadas unicamente por profissionais.

Passo 1: antes de qualquer coisa, precisamos acessar o modem para alterar as configurações. Para isso, basta digitar o número do IP em seu navegador e pesquisar.

Passo 2: depois, irá aparecer uma página de login e senha. As senhas, normalmente, são padronizadas. No login, digite: “admin” e no campo senha digite: “admin” também e aperte “ok”.

Passo 3: encontre a opção de ajuda nas configurações, ela pode estar em “setup”, por exemplo. Ali a plataforma irá te auxiliar na instalação, é só seguir os comandos apresentados pelo próprio site.

Cada modem tem suas configurações, por isso, essas três etapas são importantes para que você consiga acessá-lo. A partir daí, basta apenas acompanhar o passo a passo apresentado pela marca do seu aparelho.

Fazendo isso, você conseguirá alterar algumas configurações da LAN, ativar Firewall, Bridge ou Router. Cada um desses processos exige tutoriais à parte, assim como a ativação de um novo roteador ou repetidor.

É importante lembrar, ainda, que não vale a pena mexer em configurações complexas. Se feita de maneira errada, é possível que você torne seu equipamento inutilizável. Mas, aproveite para olhar todo o funcionamento e descobrir novas funcionalidades dentro do modem.

Acompanhe nossas publicações e fique por dentro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *