sinal wi-fi

Wi-Fi AC: saiba tudo sobre o padrão 802.11ac e seus antecessores!

Pedir a senha do Wifi de alguém já é um procedimento comum. Ao chegar a uma loja, um restaurante ou qualquer outro comércio que não ofereça a opção de check in, logo pedimos acesso, afinal, a internet é um fator determinante na hora de darmos as estrelinhas de avaliação ao local.

É bem verdade que a gente se depara com esse termo constantemente. Mas, você já parou para pensar no que significa Wi-Fi? O significado da palavra,e seu funcionamento, muitas vezes passa batido aos nossos olhos, não é?

Então, seja por curiosidade, ou para seus estudos, hoje vamos descobrir o que realmente significa essa palavra, o seu funcionamento e também as diferenças desse tipo de rede! Vamos lá? Continue a leitura deste post!

O que é uma rede Wi-Fi?

O termo Wi-Fi é uma marca registrada pela Wi-Fi Alliance, porém, a expressão é um sinônimo para a tecnologia IEEE 802.11.  E hoje em dia, já se tornou uma palavra de uso comum, que está na boca de todo mundo.

Esse tipo de rede permite a conexão entre diversos dispositivos sem o uso do fio. O termo “Wi-Fi”, não possui uma definição específica. Isso mesmo, não é possível traduzir a palavra ou encontrar um significado em alguma língua.

A expressão Wi-Fi surgiu baseada na expressão High Fidelity (Hi-Fi), e está sendo usada desde a década de 50, ao ser lançado pelo indústria fonográfica. Portanto, o termo Wi-Fi é a contração das palavras Wireless Fidelity. Fez sentido para você?

Como o Wi-Fi funciona?

As redes Wi-Fi tem seu funcionamento através de ondas de rádio. A transmissão se dá através de um adaptador, o nosso conhecido “roteador”. O roteador tem a capacidade de receber os sinais, decodificar e após os emitir a partir de uma antena.

Porém, para que o computador, notebook, tablet, enfim, qualquer dispositivo que possa ter acesso à internet, consiga captar esses sinais é necessário que ele esteja dentro de um determinado raio, que é chamado de “hotspot”.

De acordo com o roteador e a antena, o raio de abrangência da internet é bastante variável. Em lugares abertos poderá variar até 300 metros, porém, nos fechados, poderá se estender um pouco menos.

O padrão de rede Wi-Fi é dividido em várias partes, conheça algumas delas: 

  • IEEE 802.11a

Esse tipo de padrão é usado normalmente em lugares que precisam de grande tráfego de informações. A principal vantagem desse tipo de padrão é a alta velocidade, além da ausência de interferências.

Esse padrão Wi-Fi é para frequência 5 GHz com capacidade teórica de 54 Mbps. O único problema encontrado nesse tipo de padrão é o seu alcance, que não costuma ser muito grande.

  • IEEE 802.11b

Esse padrão de rede é o mais usado no meio doméstico, em residências ou pequenos ambientes comerciais. A sua principal vantagem realmente é o seu alcance.

Porém, como desvantagem, a sua velocidade costuma ser inferior se comparada às outras. O padrão Wi-Fi para frequência 2,4 GHz com capacidade teórica de 11 Mbps.

  • IEEE 802.11g

Esse padrão poder ser comparado ao (b), porém, se comparado a velocidade, ele costuma ser bem mais responsivo. Igualmente ao padrão (b), é amplamente usado em residência e empresas de porte pequeno.

Para tanto, como desvantagem, o alcance costuma ser menor ao padrão (b).  O padrão é Wi-Fi para frequência 2,4 GHz com capacidade teórica de 54 Mbps.

  • IEEE 802.11n

Esse padrão foi considerado uma das grandes novidades tecnológicas dos últimos anos; Com o crescimento de seu uso, muitos aparelhos aderiram à seu funcionamento, principalmente mobiles.

A Apple, famosa pela qualidade de seus produtos, possui aparelhos com essa tecnologia há vários anos, como por exemplo, um dos primeiros produtos a contarem com a tecnologia foi o iPhone de quarta geração e alguns modelos de MacBooks.

O padrão Wi-Fi para frequência 2,4 GHz e/ou 5 GHz com capacidade teórica de 65 à 600 Mbps.

Padrão 802.11ac: o futuro cada dia mais próximo!

A tecnologia Wi-Fi vem sofrendo várias adaptações ao longo do tempo para se adequar a necessidade de consumo dos usuários de internet. Assim, para acompanhar as ofertas de ultra-velocidade das operadoras de internet, a indústria de roteadores sem fio desenvolveu um novo padrão chamado de 802.11ac.

A velocidade de transmissão de dados do padrão 802.11ac é de 6.922 Gbps e a possibilidade de transmitir em 5 GHz. Em um ambiente limpo, 2.4 GHz normalmente oferecem um alcance mais útil do que a faixa de 5GHz.

Principalmente para aplicativos com baixa taxa de bits. Porém, vale notar que para obter a novidade é preciso roteadores e equipamentos compatíveis. O padrão 802.11ac opera somente nas faixas de 5 GHz.

O 802.11ac, definido pelo IEEE (Instituto de Engenharia Elétrica e Eletrônica), utiliza múltiplas conexões de alta velocidade para transferir conteúdo em vez de propagar as ondas de modo uniforme para todas as direções.

Quais são as vantagens do 802.11ac?

Esse padrão, eventualmente, estará presente na maioria das empresas. Isso porque, ele possui várias vantagens. A principal delas é o aumento da velocidade de conexão, já que os dados são transmitidos de forma mais eficiente.

Ele também é capaz de oferecer  maior velocidade e, assim, mais usuários na mesma área de cobertura,  consequentemente “melhorando a experiência do usuário enquanto navega”, explica o especialista de produtos wireless da Cisco, Malko Saez.

Outro grande destaque da tecnologia, é a melhora do sinal e oportunidade de  proporcionar

múltiplos canais, isso significa que o ponto de acesso consegue enviar diferentes quadros, para diferentes pessoas utilizando a mesma frequência!

O padrão 802.11ac usa a tecnologia chamada de “Beam Forming” na transmissão e recepção de dados. Através dela o roteador e os usuários identificam qual a posição relativa entre um e outro, e assim é possível focar o sinal na direção correta.

Tudo por um preço semelhante aos anteriores. Considerando que o fator financeiro faz a diferença, isso também é um ponto a se considerar. Com todos esses benefícios, fica difícil não optar por essa ideia, não é mesmo?

E aí, gostou do post? Assista e essa vídeo informativo publicado pela Cisco sobre o padrão 802.11ac para que não fique nenhuma dúvida! Nos vemos no próximo post!

Veja o vídeo informativo publicado pela Cisco sobre o padrão 802.11ac:

1 comentário em “Wi-Fi AC: saiba tudo sobre o padrão 802.11ac e seus antecessores!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *