Como estender a cobertura do seu Wi-Fi usando Ubiquiti NanoStation

Como estender a cobertura do seu Wi-Fi usando Ubiquiti NanoStation?

Geralmente, para as grandes empresas que são dependentes do sinal Wi-Fi para executar as atividades do seu negócio, ficar com um sinal que oscila o tempo todo não é nada indicado, ainda mais se a empresa passa por um período de crescimento, onde novas estações de trabalho vão sendo criadas sem uma regularidade prevista. Estas empresas não podem ficar à mercê de uma internet de pouca abrangência e alcance.

Por isso, contar com equipamentos que permitam que os negócios nunca parem por falta de conexão de internet é essencial. Pensando nisso, a ConectWi elaborou este conteúdo especialmente para você que pretende investir nestes equipamentos para estender a cobertura do seu Wi-Fi, afinal, o equipamento Ubiquiti NanoStation pode ser exatamente o que você está necessitando!

Por que escolher o Ubiquiti NanoStation para estender a cobertura do seu Wi-Fi?

Na maioria das vezes, as pessoas podem pensar que o problema para a internet ruim está em seu plano de internet, que pode estar sendo insuficiente para o número de dispositivos conectados simultaneamente e, realmente, esse pode até ser um dos problemas, contudo, nem sempre é o único,  pois os cabos e equipamentos se adota para transmitir este sinal wireless também podem influenciar.

Por exemplo, mesmo que um plano ofereça 200GB de velocidade, ainda assim, pode ser que esteja sendo insuficiente para determinada empresa, justamente por que os equipamentos, como roteadores e repetidores de sinal,  podem não estar  sendo eficientes o bastante.

Até mesmos os cabos que levam o sinal até a empresa influenciam neste fator. Já falamos inúmeras vezes, aqui em nosso blog, sobre como a fibra óptica é superior aos cabos coaxais, por exemplo.

Não é preciso ser um especialista para ver que faz sentido investir em equipamentos de ponta para ter mais qualidade e extensão no sinal. Então,  optar por configurar um Access Point (uma forma de ponte sem fio), pode ser algo substancial para solucionar o seu problema.

Normalmente, estender o WiFi com outro Access Point definido no modo WDS funciona razoavelmente bem mas, quand há barreiras físicas, ele bloqueia a maior parte do sinal que chega ao segundo Access Point.

Então, instalar um Access Point direcional pode ser a solução e quando se trata desse tipo de equipamento, há apenas uma marca que você precisa guardar: Ubiquiti!

O Ubiquiti NanoStation possui um ângulo de transmissão de 60 graus, um amplificador embutido de 600mW e uma faixa de ~15km, essa unidade, com certeza, é capaz de penetrar nas paredes e transmitir o sinal com a mesma qualidade.

Quando configurada para a potência máxima, a unidade é capaz de oferecer cobertura de sinal para toda uma empresa de grande porte com tranquilidade, já que é um equipamento que distribui sinal de forma inteligente.

Como instalar o NanoStation Ubiquiti?

Para concluir um tipo de instalação como esta, serão necessários os seguintes equipamentos:

  • NanoStation M2 ou M2 LOCO;
  • 2 conjuntos de cabos Ethernet;
  • Suporte de montagem;
  • Ferramentas manuais básicas.

Então, para estender o sinal Wi-Fi usando o NanoStation Ubiquiti é indicado que você esteja familiarizado com o Power-over-Ethernet (PoE), que é uma tecnologia incrível, que permite o envio de baixa tensão (24V) por cabo Ethernet padrão para dispositivos de energia como o NanoStation.

O plugue de 240V e o injetor PoE são fornecidos como parte do kit Ubiquiti NanoStation. O injetor PoE faz uso da conexão Ethernet padrão do modem / roteador conectado à porta LAN como entrada, e adiciona 24V/1A DC e a bombeia para a porta PoE de saída, na qual conectamos um comprimento de cabo Ethernet padrão para conectar o NanoStation.

Como configurar Power over Ethernet (PoE) para Nanostation Ubiquiti M2?

Para isolar o Wi-Fi do NanoStation do sinal de Wi-Fi do modem a cabo (para limitar a interferência), o melhor local para a instalação é na área externa do edifício. Sempre se indica colocá-lo do lado de fora, porém, se não for possível, é possível optar por instalar dentro da construção também.

Como o NanoStation foi projetado para montagem em poste, o suporte integrado é curvo e possui um slot para prender com as presilhas fornecidas. Então, é preciso ter um suporte de montagem de um NanoStation.

Uma vez montado corretamente, o cabo Ethernet de 10m é preso em um local seguro usando clipes de cabo e encaminhado de volta para dentro do edifício ao modem à cabo e conectado à porta PoE no injetor Power-over-Ethernet.

Configurando seu NanoStation

Agora, que o hardware foi completamente instalado, é hora de configurar o NanoStation para atuar como um Access Point Wi-Fi. Embora o dispositivo possa ser configurado pela rede, geralmente, é mais fácil executar a configuração quando o cabo LAN é conectado diretamente à tomada Ethernet do seu computador.

A configuração é realizada usando seu navegador digitando “https://192.168.1.20.” Você receberá um aviso informando que o dispositivo apresentou um certificado SSL inválido devido ao certificado auto assinado e não emitido por uma CA. Isso é normal, então basta clicar em aceitar / continuar. Você precisará fazer login com o nome de usuário e inserir a senha padrão “ubnt”.

Configure a guia Wi-Fi

O primeiro passo é configurar a guia Wi-Fi para que o NanoStation atue como um ponto de acesso WiFi. Certifique-se de configurar o dispositivo com segurança WPA2 e uma senha Wi-Fi apropriada.

Você também pode usar esta guia para ajustar a saída de energia, caso deseje cobrir uma área menor. Se a largura de banda do canal padrão é 40MHz, mas alguns dispositivos mais antigos, como impressoras sem fio e telefones celulares, não podem operar em 40MHz, a configuração deve ser alterada para 20MHz.

Todos os equipamentos Ubiquiti são incrivelmente versáteis, seus modelos M2 (2,4 GHz) são mais populares para instalações que exigem pontes de longo alcance, cobertura extensiva de WiFi, cenários de repetidor de AP que exigem o uso de 802.11b / g / n e muito mais.

Seus modelos M5 (5.8GHz) são preferidos para pontes de curto e longo alcance (P2P, P2MP, híbrido), pois há menos interferência na banda de 5.8GHz e, além disso,  podem trabalhar em rede com o UE operando em 802.11a / n.

Para esse tipo de instalação de curto alcance, sugiro usar o NanoStation LOCO ou simplesmente escolher o NanoStation padrão e desligar a alimentação para manter o tamanho da área Wi-Fi o menor possível, enquanto ainda penetra até mesmo em paredes duplas.

Consequentemente, o sinal do Wi-Fi oferecerá cobertura a várias centenas de metros, mas com criptografia WPA2, a sua segurança estará garantida.

Se você necessita aumentar a transmissão de sinal na sua empresa, não deixe de conferir os equipamentos Ubiquiti aqui na loja online da ConectWi e turbine o seu sinal agora!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *